Whatsapp no Condomínio

O WhatsApp revolucionou a forma das pessoas se relacionarem. A comunicação ganhou um outro patamar. O celular, as redes sociais e aplicativos de comunicação criaram uma nova realidade para as pessoas… a realidade virtual! Por um lado comunicação agilizada, por outro dificuldades de comunicação e relacionamento no mundo “real”.

Mas como aproveitar este aplicativo de forma sadia e proveitosa?

O Síndico responde pelo Condomínio nas 24 horas do dia, contudo não tem como estar à disposição todo o tempo, em especial se é um síndico morador, que tem seu trabalho e ocupações no horário comercial. Desta forma, ele tem de ter meios eficazes de comunicação, de forma que os condôminos e prestadores de serviços possam se comunicar rapidamente.

Deixar claro a todos qual seu “Canal Oficial” de informações é o ideal, pois o WhatsApp podemos afirmar que não é. Usar e-mail, aplicativo do condomínio e site da Administradora é o melhor caminho. Assim somente informações oficiais serão compartilhadas.

Sugerimos que se você precisa falar com o Síndico, priorize a formalização por escrito (e-mail, carta, livro de ocorrências), agende um atendimento com ele (pessoalmente ou por telefone).

Quer uma dica?  Deixe o WhatsApp apenas para assuntos emergenciais!

Pela nossa experiência, os grupos de WhatsApp nos condomínios nem sempre atingem seu objetivo. Por várias questões, entre elas obter informações importantes em meio a gifs e vídeos engraçados, causa perda de tempo por muitos e podem atrapalhar o síndico e condôminos na procura do que realmente é relevante ao condomínio.

Outra questão a ser abordada nesse tema é a possibilidade dessa ferramenta se transformar em palco para brigas, distorções de informações e propagações de fofocas, esvaziando as assembleias, que seriam os melhores momentos da gestão de um condomínio. Veja, assembleias sem quórum geram deliberações empobrecidas.

Sr. Síndico, você já ouviu falar em “lista de transmissão no WhatsApp”?

Por ela o síndico poderá gerar mensagens a todos e encaminhá-la de forma individualizada. Se precisar de ajuda com isto, basta nos procurar!

Para encerrar, a dificuldade de comunicação entre moradores está trazendo reflexos negativos ao condomínio. As pessoas, hoje habituadas em interagir no whats, sem entonação de voz e sem o ‘olho-no-olho’, quando têm de encarar uma conversa para defender seus pontos de vista acabam se perdendo, e muitas vezes acabam sendo agressivas.

O ser humano é um ser social, tem de conviver. As ferramentas tecnológicas são sempre bem vindas, desde que não ofusquem o que o ser humano tem de melhor, que é a capacidade de se relacionar. Num outro aspecto, o Whats pode funcionar muito bem para divulgar informações rápidas, como falta de água, de luz, uma manutenção emergencial, problemas de segurança…

Sr. Síndico, invista em comunicação oficial e profissional!

Sr. Condômino, não deixe que a comunicação informal ganhe sua atenção, foque na análise de documentos e informações confiáveis. Assim não há perda de tempo com informações vazias, que podem gerar conflitos.

A tecnologia é ótima, mas na medida do bom uso!!!

Quer saber mais?

Acesse nossas redes sociais:

   

e acesse nosso site www.grupocmcondominium.com.br